Oficinas de Escrita TKNT em Tondela (2 e 3 de Março)

Literatura

Regressam na próxima sexta-feira (2 de Março) em Tondela, as Oficinas de Escrita TKNT. O espaço escolhido para acolher as palavras, escritas à mão por cada um dos participantes, é a Rabo de Saia. A Rabo de Saia loja da Rabo de Saia marca, com espaço físico na Rua de Lannemezan.

Um local de encontro que serve apenas de pretexto para as linhas que se vão tecer a partir das dúvidas, dos gostos, dos acontecimentos reais ou… ficcionados por cada um, da cabeça para o papel.

Depois do Porto, desde as Galerias Lumière ao Duas da Letra, passando pelo Alambique, Mercado 48, Tábua Rasa ou Ovelha Negra, as Oficinas de Escrita TKNT – todas são de escrita criativa seja lá o que isso for – cruzam a história de cada um dos espaços diferentes para este tipo de iniciativas, e que são habitados por alguns dias ou horas com as vidas por inteiro em horário pós-laboral (2 de Março, 18h30 às 20h30; 3 de Março, 11h00 às 12h45 ).

Desde o primeiro minuto que se vai registando tudo e escrevendo sem medo, sobretudo sem medo de errar, para depois chegar a vários textos e nunca um só.  Ao longo dos dois dias, os participantes respondem e colocam desafios, falam sobre autores, lêem excertos preferidos e odiados, usam as palavras que não gostam para construir boas histórias, reflectem até sobre o que é isso da boa ou má literatura ou… se a questão se coloca?

No final das Oficinas de Escrita TKNT, para lá da imagem que descreverão em mil caracteres e que será publicada no site da Televisão K Não é Televisão, darão voz em áudio registado ao próprio texto.

Tópicos: Escritores, Exercício ou Inspiração?; A Escrita de Reportagem, Contos, Romances, Publicidade, Canções; A Arte de Não ser Artista; Fotografia; Locução

Preço: 30 euros (25 euros para co-produtores TKNT); As inscrições são limitadas a 10 participantes e devem ser feitas até 1 de Março, dia limite. Inscrições podem ser feitas através do mail nucashcc@gmail.com ou na própria Rabo de Saia. 

Coordenador das Oficinas TKNT

Nuno F. Santos (Cash)
Licenciado em Jornalismo, especializou-se em escrita para televisão, ainda em 1997 na Universidad Pontifícia de Salamanca. Inicia a carreira de jornalista em 1998.
Prémio Escritaria Carreira 2012 pelo conjunto de trabalhos como jornalista no programa Câmara Clara, da RTP 2, volta a ser distinguido um ano depois com o Prémio de Melhor Guião no Festival de Cinema de Avanca pelo Documentário «Fios do Tempo».
Realizador e Guionista dos documentários «Vale Utopia» (2014) e «Entre Dois Rios e Outras Noites» (2013). O primeiro, numa encomenda sobre os 10 anos de existência da rede de Teatro Comédias do Minho. O segundo, filme sobre a vida e obra da poeta Ana Luísa Amaral.
Guionista, produtor e copy de várias publicidades institucionais desde a área da Saúde ao Comércio (Ach Brito para os mais novos) e Entretenimento.

Carlos Tê, o letrista das mais belas canções em Português

O PR, Marcelo Rebelo de Sousa, durante uma acção das oficinas de escrita TKNT no stand da Livraria Lello na Feira do Livro do Porto